Notícias

Fras-le: sem freio nos negócios

A empresa brasileira busca soluções digitais para suprir as necessidades de seus consumidores e ficar, cada vez mais, conectada com o setor. Saiba quais são os planos da companhia gaúcha para se destacar no varejo online

A Fras-le, conhecida mundialmente pela produção de lonas de freio, também levou seus negócios para o ambiente virtual. Recentemente, a marca lançou o Comprefras-le.com, no estilo marketplace, reunindo varejistas de todo o Brasil que comercializam sua linha de produtos.

Nesse modelo, os consumidores poderão encontrar as peças que precisam no estoque dos varejistas associados e, o melhor, sem ter de sair de casa para procurar ou retirar o produto.

Mas o endereço eletrônico não será usado, exclusivamente, como e-commerce. A ideia da Fras-le é se aproximar dos consumidores através deste novo canal de comunicação.

“Precisávamos de um processo mais completo, que além da realização da venda, estreitasse o relacionamento com o cliente através de informações sobre os produtos e a empresa, esclarecimento de dúvidas e um suporte integral”, explica Felipe de Carvalho, gerente de marketing da Fras-le.

As soluções digitais, criadas pela plataforma Canal da Peça, serão utilizadas também para entender as necessidades do setor de autopeças.

Felipe de Carvalho, da Fras-le


“Acreditamos que as soluções digitais serão cada vez mais demandadas pelos clientes que buscam produtividade, redução de estoques e otimização de custos. Portanto, é primordial trabalhar com uma equipe focada e dedicada a encontrar as melhores soluções e serviços ao mercado, como é o caso do Canal da Peça.”

A companhia, que nunca havia tido esse tipo experiência na internet, está confiante no mercado virtual. “Nossa intenção é utilizar as ferramentas para proporcionar um incremento de vendas em todos os níveis da cadeia, propiciando maior visibilidade aos nossos produtos e reconhecimento às nossas marcas”, acrescenta Daniel Signori, coordenador de marketing de produto da Fras-le.

Concomitantemente, a empresa trabalha com outros meios de comunicação, como blog, e-mail marketing e mídias sociais. “Dessa maneira, conseguimos atingir diferentes públicos”, destaca Carvalho.

Simplicidade e rapidez

Através do Comprefras-le.com, os consumidores têm à disposição o catálogo digitalizado, otimizando o tempo de quem busca por determinada peça ou modo de aplicação. “Para nós, que temos que fazer muitas pesquisas na internet, é muito importante que o fabricante disponibilize, de maneira rápida, informações de produtos”, diz o mecânico Clóvis Ribeiro.

“Ficamos muito felizes com o lançamento do portal. Sem dúvida, irá refletir nas nossas vendas”, afirma Ricardo Morato, da Auto Brasil Motorpeças


Além da digitalização do catálogo, a entrada da Fras-le no cenário virtual representa apoio aos varejistas. “Ficamos muito felizes com o lançamento do Comprefras-le.com. Sem dúvida, irá refletir nas nossas vendas, já que ficaremos expostos no portal”, afirma Ricardo Morato, da Auto Brasil Motorpeças.

 Que tal uma loja virtual para chamar de sua? Veja o passo a passo!

De acordo com Felipe de Carvalho, as novidades virtuais prometem ir além do portal. “Posteriormente, devemos investir em aplicativo, tão logo percebermos demanda de mercado”, antecipa.

Tecnologia para crescer

As estratégias tecnológicas adotadas pela Fras-le são bem vistas no mundo empresarial. De acordo com um estudo feito pela companhia americana CA Technologies, empresas brasileiras que investem em tecnologia podem faturar até 50% mais.

“A inovação tem de chegar a produtos, processos, serviços e operações, de forma ágil. A transformação digital determina quem vai vencer os concorrentes e quem vai ser ultrapassado, diz Francisco Dal Fabbro, vice-presidente de Agile Management da CA Technologies.

A Fras-le, que também detém a marca Lonaflex, possui mais de 12 mil itens em seu portfólio, entre eles lonas e pastilhas para veículos pesados, pastilhas, lonas e sapatas para veículos leves, e revestimentos de embreagem.

Fundada em 1954 na cidade de Caxias do Sul, no Rio Grande do Sul, a empresa possui fábricas no Brasil, Estados Unidos e China. Desde 1996 faz parte do Grupo Randon, que também atua nos segmentos de serviços, veículos e implementos.

A receita bruta do conglomerado em 2016 foi de R$ 3,7 bilhões. Nesse montante, as vendas da Fras-le resultaram em R$ 1,2 bilhão – 0,7% mais do que em 2015.

Solução para todos

Além do recente canal de comunicação, há atendimento ao cliente através de e-mail e telefone. “Recebemos por semana, pelo menos, 20 contatos de consumidores que buscam como comprar nossos produtos online”, afirma Fatima Zardo, analista de vendas da Fras-le. “Com o portal, será mais fácil direcioná-los.”

+ Leia mais sobre como a internet tem ajudado o setor de autopeças

Para Morgana Stedile, coordenadora de marketing da Fras-le, a presença na rede é fundamental para a empresa. “Para a companhia, que tem clientes em mais de 100 países no mundo, estar na internet é essencial”, diz. “As barreiras estão cada vez menores e a internet auxilia no processo de aproximação entre os fabricantes e seu público-alvo.”

Através do comprefras-le.com, os clientes poderão encontrar qualquer peça da marca


Setor de autopeças conectado

A procura por peças automotivas na rede vem ganhando força. De acordo com uma pesquisa recente da Central de Inteligência Automotiva (Cinau), que avaliou 488 reparadores independentes no Brasil, 58% utilizam a internet para comprar autopeças.

A análise também concluiu que 7 em cada 10 profissionais automotivos optam pela compra virtual quando não encontram a peça em seus fornecedores.

“O comércio eletrônico já é uma realidade e o setor de autopeças está acompanhando esta tendência e demandando este tipo de serviço, que proporciona disponibilidade das melhores ofertas e agilidade na busca pelos produtos e sua entrega”, opina Felipe de Carvalho.

Segundo o profissional, a entrada na rede marca uma nova fase da companhia. “Encontramos no Canal da Peça a possibilidade de oferecer aos nossos clientes uma solução que proporciona facilidade de compra”, diz Carvalho, que prefere deixar a palavra “freio” apenas em seu portfólio. “Queremos agilizar o processo de entrega em todo o País, agregando valor à toda cadeia de distribuição”, finaliza.

Receba grátis por e-mail

Comentários

Author


Avatar